SUBHAMASTU SARVA JAGATAM

 OM NAMAH SRI PARAMA RISHIBHYO YOGUIBHIYAHA

"Que todos os seres sejam felizes"

"OM - Glória aos Supremos Rishis e Yoguis"

Contato: 34-3235-3571   /   info@suddha.net   /   Rua Prof. Mario Porto, 443. Uberlândia, MG.

  • w-facebook
  • Twitter Clean
  • w-googleplus

© 2023 by ABC After School Programs. Proudly created with Wix.com

Honrando um genuíno Dasa da Suddha Dharma Mandalam

2-Jan-2018

 

 

Nossas reverências ao Gnana Dhatha Sérgio Barretto que, recentemente, passou aos planos sutis, deixando um legado de completa dedicação e devoção aos princípios e aos Mestres do Suddha Dharma Mandalam.

Eu o conheci em 1974, quando veio ao Brasil nosso amado Mestre, Sri Vajra Yogi Dasa. Após meu memorável encontro com Sri Vájra, fui até Ribeirão Preto para acompanha-lo. Foi quando conheci Sérgio, sua família e o grupo do Ashram Subramanyananda que Sérgio havia fundado, junto com outros valorosos Dasas, na presença de Sri Vájra e de Sri Janárdana, quando este último veio ao ocidente, em 1965. Salvo engano, Sérgio foi consagrado na Suddha Dharma Mandalam em 1963.

Sua casa estava sempre aberta, dia e noite, aos interessados na ciência sagrada. Quando vinha Sri Vájra, eu o acompanhava em várias cidades e sempre havia lugar na casa de Sérgio para me hospedar e aproveitar ao máximo a presença do nosso Mestre. Ele e sua família nos recebia de coração aberto. Sérgio sempre nos incentiva à meditação na Luz do coração. Era um devoto inato. Seus olhos brilhavam quando ele falava dos temas espirituais. Silencioso e simples, se tornava eloquente quando discorria sobre as oito qualidades átmicas e outros temas da Suddha Dharma Mandalam. Lia, anualmente, todos os textos sagrados de nossa doutrina. 

Me emocionou, profundamente, quando captou a essencia de minha alma e escreveu um livreto, de próprio punho e com desenhos, chamado "A história de um menino monge” e me presenteou. Descreveu uma das facetas de minha vida, ainda quando eu tinha 18 anos. Sri Vájra sempre me incentivava a te-lo como uma referência, no meu desenvolvimento, de dedicação, devoção e espírito agregador, ao mesmo tempo que nos movia no sentido de preservar a independência no pensar e no agir, sob o guarda chuva desta grande doutrina de síntese.

Quando fui aprovado no vestibular para Medicina na USP de Ribeirão Preto e na Universidade Federal de Uberlândia, refleti muito sobre onde deveria cursar minha Faculdade. Via Sérgio Barretto em Ribeirão Preto e pensava .... aqui a Suddha Dharma Mandalam já está completamente bem conduzida ... preciso criar um núcleo em Uberlândia porque sentia, e Sri Vájra me dizia, que ali seria um foco de difusão de nossa doutrina pelo mundo, como tem sido através do Ashram Ananda e do Suddha Sabha Yoga Ashram. Então optei por Uberlândia, tendo Sérgio como referência

Com este espírito agregador Sérgio inspirou a realização de congressos anuais dos grupos da Suddha Dharma de todo o Brasil, revezando a oranização entre diversos grupos. Muitos capítulos importantes de nossa história externa foram construídos nestes congressos.

Com o passar do tempo nossos caminhos, na condução de nossas atividades da Suddha Dharma Mandalam, foram se afastando um do outro. Cada um de nós conduziu seu Dharma de acordo com o que havia compreendido dos ensinamentos Suddhas e com seu discernimento. Certamente, ambos fomos e somos felizes por nossas escolhas, condicionadas por nossas limitações pessoas mas, ainda assim, com o sentimento de Purnam (plenitude e completude). Muitos desafios passamos juntos. Muitas decisões baseadas nas circusntâncias tomamos juntos. Acertamos e erramos muitas vezes, juntos e separadamente.

Mas o que fica em meu coração é um profundo respeito, admiração e reverência, posso dizer com tranquidade, por este valoroso Dasa. Como não admirar alguém que dedicou sua vida, com tanto amor a Deus, aos Mestres, à Doutrina, à sua familia e aos seus discípulos servindo a todos sempre com tanta presteza, paciência e calma. Podemos dizer que ele viveu as oito qualidades átmcias que tanto admirava e pregava.

Que os Mestres o recebam nos planos de luz, fortalecendo-o para, quem sabe, outra jornada de serviço ao Dharma que ele desempenhou com tanta sabedoria.

Shubhamastu sarva jagatam

 

 

Please reload

Outros Posts
Please reload